Projeto “Construindo Relações Saudáveis” é realizado em Jesuítas

A Secretaria de Educação, Esporte e Turismo de Jesuítas, está desenvolvendo uma ação junto aos pais, mães e responsáveis, dos alunos da rede municipal de ensino, que visa aumentar a relação afetiva entre pais e filhos. O projeto intitulado “Construindo Relações Saudáveis” é de autoria da psicóloga da secretária, Neiva Picolo Carreira.
Na quinta-feira, (30), foram realizadas reuniões, com café da manhã no período matutino e com lanche à noite, onde os presentes puderam refletir sobre questões que, atualmente, estão em desuso como: Que exemplo estou dando aos meus filhos, como pai ou como mãe? Que mensagem de amor eu tenho passado à eles?
De acordo com a psicóloga Neiva, autora do projeto, “os laços afetivos são fundamentais para que a criança cresça saudável e feliz. Se os pais colocam a família acima de tudo, os filhos aprenderão o valor da lealdade e do afeto e, quando for adulto, também deixará outros compromissos de lado, em detrimento dos pais”.
O prefeito Junior Weiller compareceu a uma das reuniões para parabenizar a iniciativa. “Tenho muito orgulho da minha equipe. Alegria em ver os trabalhos sendo desenvolvidos e como, em todos eles, há uma preocupação permanente com as nossas famílias jesuitenses. Eventos como esse, da educação, mostram que, em nosso governo, a família está em primeiro lugar. Parabéns professora Elaine, parabéns Neiva e toda a equipe”, finalizou o prefeito.
A psicóloga diz que “a relação emocional entre pais e filhos constrói-se com base em pequenas coisas do dia a dia, e que acabam por compor a vida familiar. Algumas dicas podem auxiliar os pais e mães”, orienta. Ver box.

Dicas para pais e mães

• Acompanhe as atividades escolares;
• Assistam a desenhos e filmes juntos;
• Leia para a criança antes de dormir;
• Demonstre afeto;
• Passeiem juntos;
• Priorize e invista no tempo com o seu filho;
• Promova, desde cedo, bons hábitos de comunicação. Escute o seu filho e o incentive a comunicar-se;
• Não compare seu filho com outras crianças;
• Esteja disponível para ouvi-lo;
• Elogie seu filho de forma generosa;
• Estimule-o, incentive-o e encoraje-o;
• Estabeleça limites; eles precisam ouvir não também.