Toledo: Biopark firma convênio com Garantioeste

Carta de intenção com Hotéis Íbis também foi assinada

O Parque Científico e Tecnológico de Biociências (Biopark) anunciou duas novidades na sexta-feira (18), durante evento realizado com a presença de parceiros, sociedades representativas, instituições financeiras e imprensa. Foram assinados no ato o convênio com a Sociedade de Garantia de Crédito do Oeste do Paraná (Garantioeste), além de protocolo de intenção para construção da franquia de hotéis Íbis. A cerimônia foi aberta pelo idealizador e presidente do Biopark, Luiz Donaduzzi, que falou sobre o desenvolvimento do parque e projeções para este ano.

 O convênio assinado com a Garantioeste celebra a cooperação financeira entre as instituições, no qual será estabelecida uma linha de garantia de crédito para empresas incubadas no Biopark, com o objetivo de ampliar o acesso das micro e pequenas empresas.

Conforme o Presidente da Garantioeste, Edson Luiz Carollo, o Biopark está na vanguarda nacional, porque é a primeira empresa privada a aportar em um fundo de risco de uma sociedade garantidora de crédito. “Quando o pequeno empresário vai iniciar ou ampliar, acabam faltando as garantias exigidas pelo sistema financeiro atual. É aí que entra a sociedade garantidora, a qual oferece uma carta de garantia para a instituição financeira e que, por sua vez, proporciona uma taxa de juros mínima possível para fomentar e incrementar o negócio do pequeno empreendedor”, explica.


O empresário e investidor Luiz Fernando Kazahaya assinou protocolo de intenção para implantação de hotel da rede Íbis no Biopark. Já franqueado na cidade de Guarapuava, Kazahaya ressalta o potencial da região Oeste, que já estava avaliando o município de Toledo e agora tem a oportunidade junto ao Biopark. “Acreditamos nesse projeto ousado e mantemos as tratativas para as próximas etapas”, revela ao descrever a pesquisa de marcado sobre o crescimento do segmento a nível nacional, assim como a importância da rede Íbis, a maior do Brasil e uma das maiores do mundo.

Durante fala de abertura e também ao responder as dúvidas da imprensa e convidados, Luiz Donaduzzi destacou o desenvolvimento das ações, bem como os projetos de investimento em tecnologia, pesquisa e qualidade de vida que já estão em andamento e que serão concretizados neste ano. Entre os destaques estão as empresas já incubadas, empresas de tecnologia, prédios e estrutura em execução, bem como as linhas de pesquisa em biociências, com implantação de laboratórios e convênios. “Queremos dar o apoio às pequenas empresas para que elas continuem no mercado e gerem empregos e renda. Empresas que vão crescer e assim também vamos atrair as grandes empresas”, destaca Luiz Donaduzzi.

Também foi destaque na apresentação o grande complexo de saúde, que engloba universidade, clínicas e implantação de centros de atendimento, bem como toda estrutura de pesquisa e extensão para as áreas de saúde e bem-estar.