COMO SAIREMOS DESTA CRISE DE 2020?

Os jornais apresentam notícias nada esperançosas para os próximos anos e principalmente em relação à América Latina, especialistas afirmam que enfrentaremos uma crise ‘brutal’ e recessão provocadas pelo covid-19. Será que sairemos desta crise? E o que fazer diante deste inimigo invisível? A nossa esperança é sair sem falir e falecido, mas fortalecidos.

 

Projeções negativas

O coronavírus causará na América Latina “um estrago brutal” e uma crise de “alta magnitude”, alertaram especialistas, que explicaram que a pandemia chegou na região em um momento de crescimento lento e a levará a uma recessão em 2020. A epidemia e as restrições para detê-la, que prejudicam a economia, chegaram em um momento em que a região já experimentava um crescimento modesto. Em janeiro, o Fundo Monetário Internacional (FMI) calculou uma expansão de 0,1% em 2019 e projetou a de 2020 em 1,6%.

 

Olhando o passado

Fazem alguns anos, surgiu um programa na televisão que tinha o nome de “Vamos sair da crise”. Não era nenhum campeão de audiência, nem era transmitido pelas grandes cadeias nacionais. A proposta do programa era de trazer ao ar entrevistas e debates com políticos, empresários, líderes de classes, intelectuais e outras pessoas, para indicar caminhos que pudessem levar o Brasil a sair da crise. O interessante da história deste programa é o seguinte. Durante um período de tempo o programa saiu do ar, porque alguns acreditavam que a crise estava no fim. Mas, depois de poucos meses, o programa voltou a ser apresentado, inclusive com o mesmo nome – a crise continuava.

 

Um olho na realidade e outro na bíblia

O que você acha? Será que em 2020 vamos sair da crise? Será que vamos ter estabilidade em nossas instituições, em nosso emprego, em nossa economia? Será que em algum setor de nossa vida vamos ter estabilidade?

Vamos buscar apoio na fé bíblica em que o Salmo 111, versículo 8, diz: “(Os preceitos do Senhor) são estáveis para todo o sempre, instituídos em fidelidade e retidão.” Num mundo cheio de conflitos, de instabilidades, de crises, podemos encontrar firmeza, segurança, confiabilidade, voltando-nos para Deus. As promessas de Deus são verdadeiras e válidas, mesmo num mundo em crise. O que ele fez pela humanidade, através de Jesus Cristo, não deixa de ter valor em nenhuma situação.

O teólogo Erni Walter Seibert afirma que se nós brasileiros nos voltássemos para Deus, confiássemos em suas promessas, e nos submetêssemos à sua Palavra, certamente iria nos acontecer o que o nome daquele programa dizia: iríamos sair da crise.

Note bem: voltar-se para Deus não quer dizer ignorar o presente! Voltar-se para Deus significa que temos solução para o futuro, e também para o presente!

 

 

Filósofo e Teólogo – Professor de Filosofia, Antropologia e História;

Professor aposentado da UNIPAR/UNIVEL e CTESOP;

Professor da Rede Estadual de Educação – Colégio Chateaubriandense.

pardinhorama@gmail.com