Micheletto é contra proposta do governo que extingue municípios

O deputado estadual Marcel Micheletto (PL), reafirmou sua posição contrária na tarde desta quarta-feira, 6, quanto à PEC do Sistema Federativo, elaborada pela equipe do Ministério da Economia e entregue ontem ao Congresso Nacional e que extingue municípios com menos de 5 mil habitantes.
De acordo com o novo pacote econômico, a ideia central é fundir municípios pequenos e com baixa arrecadação. Pelos cálculos do próprio governo, 1.254 deles se encontram nessas condições. Isso representa 22,5% do total de 5.570 municípios brasileiros.
Segundo o parlamentar, a proposta é totalmente inoportuna, pois existe nesses municípios toda uma estrutura e vai totalmente contra a identidade do ser humano. “Antes de se pensar num benefício financeiro é preciso pensar nas pessoas que vivem nesses municípios que por sua vez geralmente têm uma qualidade de vida maior. Outro ponto importante e que deve ser levado em consideração é o aumento de desemprego e o distanciamento da comunidade à nova administração. Com a fusão, incorpora-se toda a estrutura pública, mas a receita do município voltará para a união” finaliza.
Micheletto afirma que a proposta apresentada sem o devido diálogo com a população é desrespeitosa com o povo do interior do Paraná. Por este motivo, propõe a realização de audiências públicas para ouvir a população.
“Proponho que a Assembleia Legislativa promova a realização de audiências públicas, pois entendo que esse é o mecanismo capaz de garantir o exercício da democracia e estabelecer o diálogo com a comunidade, pois serão eles os principais prejudicados com tal proposta”, justifica.
O deputado afirma ainda ser inaceitável uma proposta feita de gabinete sob um critério quantitativo que desrespeita as pessoas que escolheram desenvolver suas vidas e de suas famílias e produzir no interior em cidades pequenas. (foto Orlando Kissner)

Veja a seguir a lista desses municípios

“Cidade População Receita Própria
Altamira do Paraná – PR 3143 10%
Alto Paraíso – PR 3037 7%
Anahy – PR 2901 10%
Arapuã – PR 3384 4%
Ariranha do Ivaí – PR 2330 6%
Barra do Jacaré – PR 2825 6%
Bela Vista da Caroba – PR 3774 8%
Boa Esperança do Iguaçu – PR 2671 5%
Bom Jesus do Sul – PR 3755 5%
Bom Sucesso do Sul – PR 3358 8%
Cafezal do Sul – PR 4266 7%
Campina do Simão – PR 4062 4%
Conselheiro Mairinck – PR 3849 9%
Corumbataí do Sul – PR 3682 6%
Cruzeiro do Iguaçu – PR 4373 8%
Cruzeiro do Sul – PR 4619 7%
Cruzmaltina – PR 3110 5%
Diamante do Sul – PR 3562 3%
Esperança Nova – PR 1852 6%
Espigão Alto do Iguaçu – PR 4447 7%
Farol – PR 3323 6%
Fênix – PR 4903 9%
Flor da Serra do Sul – PR 4782 6%
Guapirama – PR 3942 6%
Guaporema – PR 2291 5%
Iguatu – PR 2304 5%
Iracema do Oeste – PR 2487 4%
Itaúna do Sul – PR 3288 6%
Jundiaí do Sul – PR 3443 9%
Leópolis – PR 4147 4%
Lidianópolis – PR 3662 7%
Lupionópolis – PR 4885 9%
Manfrinópolis – PR 2861 3%
Marquinho – PR 4826 6%
Marumbi – PR 4760 10%
Mato Rico – PR 3622 3%
Mirador – PR 2324 4%
Miraselva – PR 1880 5%
Nova Aliança do Ivaí – PR 1527 3%
Nova Santa Bárbara – PR 4190 9%
Ourizona – PR 3491 7%
Pinhal de São Bento – PR 2749 3%
Pitangueiras – PR 3107 8%
Planaltina do Paraná – PR 4303 8%
Porto Barreiro – PR 3527 4%
Porto Vitória – PR 4148 6%
Prado Ferreira – PR 3693 6%
Quarto Centenário – PR 4764 7%
Ramilândia – PR 4410 6%
Rancho Alegre – PR 3977 5%
Rancho Alegre D’Oeste – PR 2800 5%
Rio Bom – PR 3348 4%
Salgado Filho – PR 4072 5%
Santa Amélia – PR 3643 7%
Santa Cecília do Pavão – PR 3570 5%
Santa Inês – PR 1746 5%
Santa Lúcia – PR 3955 9%
Santo Antônio do Caiuá – PR 2749 4%
Santo Antônio do Paraíso – PR 2307 4%
São José das Palmeiras – PR 3816 4%
São Manoel do Paraná – PR 2184 6%
Serranópolis do Iguaçu – PR 4637 8%
Sulina – PR 3222 8%
Virmond – PR 4090 7%
(Fonte: Gazeta do Povo)